• facebook-footer
  • twitter-footer
  • googleplus-footer
Terça-feira, 19 de Junho de 2018
ISSN 1980-4288

TRF2 nega novos recursos e mantém suspensa posse de Cristiane no Ministério do Trabalho

Os Agravos foram impetrados pela defesa da parlamentar e pela União.

Fonte: TRF2

Comentários: (1)


Deputada Cristiane Brasil. Reprodução: fotospublicas.com

O TRF da 2ª região negou novamente, nesta quarta-feira, 10, os pedidos apresentados pela defesa da deputada Federal Cristiane Brasil e pela União, e manteve efeitos da liminar da Justiça Federal de Niterói que impede a nomeação e posse da parlamentar no cargo de ministra do trabalho. A decisão é do juiz Federal Vladimir Santos Vitovsky, que atua no TRF.


A liminar foi proferida em ação popular e o mérito ainda será julgado na 1ª instância. Nos termos da decisão, o impedimento "não tem o condão de acarretar risco de dano grave, de difícil ou impossível reparação. Outrossim, é prematuro afirmar estar demonstrada a probabilidade de provimento do recurso. Com efeito, a competência do presidente para escolher e indicar seus ministros é matéria eminentemente de mérito".


O relator do processo é o desembargador Federal Sergio Schwaitzer, da 7ª turma Especializada do TRF2, que ainda deverá apreciar o mérito dos agravos.


Cartão vermelho


A deputada Cristiane Brasil foi impedida de tomar posse após o juiz Federal Leonardo da Costa Couceiro, titular em exercício da 4ª vara de Niterói/RJ, conceder liminar na última segunda-feira, 8, suspendendo a eficácia do decreto que nomeou a parlamentar.


Em ação popular, o Movimento dos Advogados Trabalhistas Independentes afirma que a nomeação de Cristiane Brasil "ofende a moralidade administrativa", porque a deputada tem contra si “fatos desabonadores já replicados nas grandes mídias, como condenação ao pagamento de dívida trabalhista".


Após recurso da AGU, o TRF da 2ª região negou o pedido de suspensão da liminar na terça-feira, 9, por considerar que "a decisão atacada não tem o condão de acarretar grave lesão à ordem, à saúde, à segurança e à economia pública".


Processos: 0000132-35.2018.4.02.000 e 0000131-50.2018.4.02.0000

Palavras-chave: Suspensão Posse Ministério do Trabalho Ações Trabalhistas Ação Popular

URL Encurtada

Deixe o seu comentário. Participe!

noticias/trf2-nega-novos-recursos-e-mantem-suspensa-posse-de-cristiane-no-ministerio-do-trabalho

1 Comentários

Aloísio José de Oliveira advogado11/01/2018 12:13 Responder

O Brasil com o governo atual é uma Impotência mundial, paródia do comediante Juca Chaves. Se conseguir no STF a cassação da liminar, será a maior baixaria mundial.