Governador suspende pagamentos até decisão sobre royalties

Servidores serão a exceção; Cabral confirmou que vai aguardar a publicação da lei para tentar recorrer no Supremo Tribunal Federal

Fonte: Jornal do Brasil

Comentários: (0)




O governador Sérgio Cabral determinou nesta quinta-feira (7) a suspensão de todos os pagamentos do estado, com exceção dos servidores públicos, até sair a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a derrubada do veto da presidente Dilma Rousseff a redistribuição dos royalties de petróleo.


Os secretários de Estado de Fazenda e de Planejamento foram orientados pelo governador a cancelar os pagamentos, empenhos, repasses e outras transferências não obrigatórias até que o STF se pronuncie sobre a Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) do Estado do Rio.


Após a confirmação da derrubada por parte do Congresso do veto sobre a nova distribuição dos royalties, o governador do Estado do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, reagiu, destacando que a decisão "não resolverá o problema de nenhum estado brasileiro”. O governador confirmou que vai aguardar a publicação da lei para tentar recorrer no Supremo Tribunal Federal.


Cabral explicou também que a justificativa da presidente Dilma para vetar a redistribuição dos royalties tinha como base o rompimento de três artigos: “Dilma foi clara como água no seu veto. Desrespeitaram o artigo 5º da Constituição, que é o ato jurídico perfeito. Isto afetaria tanto os petróleos já leiloados, como os contratos assinados envolvendo a exploração de petróleo no Rio. O artigo 20 também foi desrespeitado porque não se pode disponibilizar recursos do Estado e dos municípios produtores de petróleo, e ainda o artigo 167, que fala sobre o desequilíbrio orçamentário”, ressaltou.


O governador declarou ainda que a decisão é um caos para o governo do Estado e seus municípios e que cada estado produtor (Rio, São Paulo e Espírito Santo) vai entrar com um recurso no STF. “Vão falir o governo do estado e 87 das 92 cidades que recebem os dividendos dos royalties”, concluiu.

Palavras-chave: Congresso Economia Petróleo Royalty Votação

Deixe o seu comentário. Participe!

noticias/governador-suspende-pagamentos-ate-decisao-sobre-royalties

0 Comentários

Conheça os produtos da Jurid